political writings

Français    English    Italiano    Español    Deutsch    عربي    русский    Português
Outros autores
 
Um artigo de Thierry Meyssan
11 de Setembro: Norte-americanos, prisioneiros de suas próprias mentiras
23 de Setembro de 2009 | Oito anos após os atentados do 11 de Setembro, Thierry Meyssan — que iniciou a contestação mundial sobre a validade da ‘versão’ bushesca dos acontecimentos — recapitula o estado em que se encontra o debate para a nova revista russa Odnako. O dissidente francês denunciou a «cortina de ferro» hermética que separa os povos da NATO do resto do mundo. Submetido a uma censura mediática, ignoram qualquer debate que se desenvolva fora do Ocidente e continuam a acreditar numa contestação do 11 de Setembro limitada apenas a algumas associações activistas. Thierry Meyssan interroga-se igualmente sobre a ingenuidade dos Ocidentais que crêem num cenário infantil, de banda-desenhada americana, segundo a qual umas dezenas de fanáticos possam ter ferido o coração do maior império militar do (...)


Um artigo de Faris Giacaman
Podemos conversar? A "indústria da paz" do Médio Oriente
26 de Agosto de 2009 | Ao descobrirem que sou palestino, muitas pessoas que encontro na universidade aqui nos Estados Unidos ficam ansiosas por informar-me de várias actividades em que têm participado a fim de promover "coexistência" e "diálogo" entre ambos os lados do "conflito", sem dúvida à espera de um aceno de aprovação da minha parte. Contudo, estes esforços são danosos e minam o apelo da sociedade civil palestina em favor do boicote, desinvestimento e sanções a Israel – o único meio de pressionar Israel a cessar as suas violações dos direitos dos palestinos.


Um artigo de Jonathan Cook
Internautas pagos para divulgar a propaganda israelita
3 de Agosto de 2009 | O ministro israelita dos Negócios Estrangeiros criou uma equipa especial e secreta de assalariados, cujo trabalho consiste em navegar na internet 24 horas sobre 24, a fim de divulgar a boa palavra.


Kurt Sonnenfeld: entrevista exclusiva
Testemunho de um operador de vídeo no Ground Zero do WTC
17 de Julho de 2009 | Como operador de vídeo do governo dos Estados Unidos, Kurt Sonnenfeld foi despachado para o Ground Zero no dia 11 de Setembro de 2001, onde registou 29 filmes ao longo de um mês: "O que vi em certos momento e em certos lugares... é muito perturbador!". Ele nunca os transmitiu às autoridades e desde então foi perseguido. Kurt Sonnenfeld exilou-se na Argentina, onde acaba de publicar El Perseguido. A obra relata o seu interminável pesadelo e dá um novo golpe no Relatório da Comissão presidencial sobre os acontecimentos do 11/Set. Uma entrevista exclusiva realizada pelo Réseau Voltaire.


Luta de classe e imperial propaganda
Irão: A mentira das "eleições roubadas"
21 de Junho de 2009 | .


Shimon Peres descredibiliza o Prémio Nobel
Carta de Mordechai Vanunu ao Comité do Prémio Nobel da Paz
5 de Março de 2009 | Mordechaï Vanunu foi raptado em Roma em 30 de Setembro de 1986. Após ter passado dezoito anos na prisão, continua a aguardar, em Jerusalém-oriental, a liberdade de deixar o território israelita (*). Mordechai Vanunu recusa ser nomeado para o prémio Nobel da paz. Eis a carta que enviou ao Comité do Prémio Nobel da Paz.


Gaza
Ismail Haniyeh: Minha mensagem ao Ocidente - Israel deve parar o massacre
17 de Janeiro de 2009 | Escrevo este artigo aos leitores Ocidentais através de todo espectro social e político enquanto a máquina israelense de guerra continua a chacinar o meu povo em Gaza. Até o dia de hoje, quase 1.000 foram mortos, quase metade deles são mulheres e crianças.


Um artigo de Jean Bricmont
Três idéias simples para acabar com ao apoio político aos crimes israelenses
16 de Janeiro de 2009 | Enquanto Israel dá sequência aos bombardeios contra a população palestina e os paramilitares do general Mohamed Dahlan esperam na fronteira egípcia a ordem de entrar em Gaza para massacrar as células do Hamas, a opinião pública européia se sente totalmente impotente. Apesar de sua amplitude, as manifestações contrárias à ofensiva sucedem-se umas às outras sem impacto sobre os responsáveis políticos pelo ataque a Gaza, ou sobre aqueles que poderiam intervir no conflito. O professor Jean Bricmont propõe uma estratégia simples para mudar as relações de força na Europa, e, por fim, abalar as bases de sustentação política em que se ampara o regime de apartheid israelense.


Uma resposta ao ataque de Israel à Faixa de Gaza
Richard Falk: Crimes de guerra de Israel
3 de Janeiro de 2009 | Os ataques aéreos israelenses à Faixa de Gaza representam violações severas e maciças do direito humanitário internacional tal como definido nas Convenções de Genebra, tanto em relação às obrigações do Poder Ocupante como quanto às exigências das leis da guerra.


Apelo da sociedade civil palestina
"Cessar o massacre de Gaza – Boicotar Israel já!"
27 de Dezembro de 2008 | Hoje, 27/Dezembro/2008,o exército israelense de ocupação cometeu um novo massacre em Gaza, matando e ferindo centenas de civis palestinos, inclusive um número ainda não estabelecido de escolares que retornavam da escala quando começaram os primeiros ataques israelenses. Este último banho de sangue, se bem que mais implacável que os anteriores, não é o primeiro perpetrado perpetrado pelo Estado sionista. Ele coroa meses de um sítio israelense contra Gaza que deveria ser amplamente condenado e sancionado como um acto de genocídio contra 1,5 milhão de palestinos que vivem naquela faixa costeira.


A Europa do século XXI: seqüestros e tortura
« Temos que combater a tirania com os instrumentos dos tiranos? »
22 de Março de 2007 | Depois de uma longa investigação sobre os seqüestros e vôos secretos da CIA na Europa, Dick Marty deixou estabelecido que, longe de serem casos isolados, eles se tornaram numa prática corrente. O presidente da Comissão de Assuntos Jurídicos do Conselho da Europa chegou à conclusão de que se trata de um sistema organizado com pleno conhecimento, mas com a cumplicidade dos Estados europeus.



1 | 2